PR apela sector industrial a adoptar modelos de transparência

Data: 09/08/2021
 
PR no lancamento do Programa Nacional Industrializar Mocambique

Maputo, 09 de Agosto de 2021 - O Presidente da República, Filipe Jacinto Nyusi, exortou ao sector industrial do país, a adoptar modelos de transparência baseados na agressividade comercial, de forma racional para garantir a sustentabilidade ambiental.

O Chefe do Estado fez este pronunciamento no distrito de Vanduzi, província de Manica, no acto de lançamento da iniciativa presidencial “Industrializar Moçambique”, um programa nacional que visa promover o desenvolvimento e aumento da produção industrial, através do agrupamento de empresas na base, onde a matéria-prima se concentra.

Na ocasião, o Presidente Nyusi explicou que o Programa Nacional Industrializar Moçambique se propõe a contribuir para o aumento da produção industrial nacional, fazendo uso da matéria-prima dos sectores agrário, pesqueiro, do mar e dos recursos naturais de que o país dispõe.

“Este processo transformador da economia deverá catalisar o nosso objectivo de construirmos Moçambique como um país de renda média, no qual cada cidadão beneficie da riqueza do solo e do seu subsolo”, destacou o governante.

No seu entender, o Programa Nacional Industrializar Moçambique poderá contribuir na empregabilidade de mais de 118 mil pessoas, entre jovens e mulheres, para além de constituir base para o desenvolvimento integrado e sustentável de Moçambique, contribuindo para o aumento da produção industrial, com peso no Produto Interno Bruto (PIB); substituição de importações; aumento das exportações de produtos industriais; geração de empregos directos e financiamento de 100 milhões de dólares anuais em projectos durante dez anos, perfazendo um total de mil milhões de dólares no quadro do modelo de financiamento a ser adoptado.