“Eleições na Zâmbia são uma vitória da Democracia” – PR

Data: 25/08/2021
 
_DSC2585

Lusaka, 25 de Agosto de 2021 - O Presidente da República, Filipe Jacinto Nyusi, disse ontem que as eleições livres e pacíficas de 12 de Agosto que culminaram com a eleição do sétimo Presidente na história da Zâmbia, Hakainde Hichilema, constituem uma vitória da democracia no país vizinho.

O Chefe do Estado, que estava entre os convidados de proa à cerimónia de investidura do Chefe de Estado da Zâmbia, afirmou que o ambiente de euforia de que aquele país se revestiu por ocasião da festa de tomada de posse do seu novo presidente, constituem, na verdade, uma celebração da vitória da democracia.

“Felicito o povo zambiano por ter realizado eleições livres e pacíficas, um acto que constitui uma celebração da vitória da democracia”, disse o Presidente Nyusi, no momento de chegada ao Estádio dos Heróis Nacionais, a maior infra-estrutura desportiva do país, com capacidade para 60 mil expectadores, e que esteve ontem completamente lotado.

O estadista garantiu que a agenda económica entre Moçambique e a vizinha Zâmbia estará no epicentro da cooperação bilateral, até porque o desiderato é identificar conjuntamente áreas de produtos que possam incrementar e fortalecer o intercâmbio económico.

Como Comunidade de Desenvolvimento da África Austral (SADC), o estadista moçambicano disse que os países representados fizeram a sua parte, e aproveitou a ocasião para saudar o novo Presidente zambiano em nome do povo moçambicano, prometendo para breve estabelecer contactos para tratar de assuntos de interesse comum.

“Brevemente, voltaremos a manter contactos produtivos incluindo mesmo no âmbito de combate ao terrorismo, mas também para outros projectos económicos como agricultura e energia”, disse o Presidente Nyusi, anotando que a Zâmbia além dos portos da Beira e Nacala, nas províncias de Sofala (centro) e Nampula, no norte, usa largamente os corredores rodoviários nacionais para o trânsito da sua mercadoria.