PR inaugura Hospital Distrital de Jangamo

Data: 11/06/2021
 
_DSC5820

Jangamo (Inhambane), 11 de Junho de 2021 - O Presidente da República, Filipe Jacinto Nyusi, inaugurou hoje o Hospital Distrital de Jangamo, na província de Inhambane, no âmbito da Iniciativa “Um Distrito, Um Hospital”, lançada pelo Chefe de Estado a 17 de Julho de 2019, no posto administrativo da Ponta do Ouro, província de Maputo.

A infraestrutura em referência, totalmente apetrechada com equipamento necessário para prestar assistência sanitária de qualidade, irá beneficiar mais de 150 mil pessoas que vivem na zona de influência directa do hospital, assim como população proveniente de zonas circunvizinhas.
“A ideia é garantir que, em curto espaço de tempo, Moçambique expanda a cobertura de serviços e cuidados de saúde de qualidade a todas as regiões do País, com destaque para as zonas rurais”, explicou o Presidente Nyusi.

Vincou que a obra faz parte do compromisso que assumiu, perante aos moçambicanos, de trabalhar para acelerar a implementação da sua iniciativa “Um distrito, Um Hospital”, com vista a alargar os serviços de saúde de qualidade e especializados.
“Ao edificarmos esta obra, não apenas cumprimos com a nossa agenda no sector de saúde, como também estamos alinhados com o número três dos 17 Objectivos de Desenvolvimento Sustentável internacionalmente acordados, que visam garantir o acesso à saúde de qualidade e promover o bem-estar para todos”, disse.
Segundo o Presidente da República, a unidade sanitária vai, igualmente, dinamizar o turismo, já que este sector constitui bandeira da província, porque “o turista precisa de garantia de segurança e tratamento médico em caso de emergência de saúde.”
Baseando-se nos múltiplos serviços que aquela unidade sanitária vai prestar, o estadista moçambicano disse estarem criadas as condições para uma assistência de qualidade e que definem a filosofia do governo sobre um hospital distrital.
“Saudamos o facto de terem contemplado nesta unidade sanitária residências para médicos, furos de água e um gerador de corrente eléctrica automática. Isto é fundamental”, enalteceu o Chefe de Estado, reiterando que o compromisso do governo é de tudo fazer para que os moçambicanos tenham acesso aos serviços de saúde de qualidade.