Presidente da República procede à abertura do “Crescendo Azul”

Data: 24/05/2019
 
PR na Conferencia Crescendo Azul 4

Maputo, 24 de Maio de 2019 - O Presidente da República, Filipe Jacinto Nyusi, participou, ontem, em Maputo, na abertura da Conferência Internacional “Crescendo Azul”, que decorre na capital do país, sob o lema “Exploração Sustentável e Compartilhado do Oceano”.

Na ocasião, o Chefe do Estado disse que o mar moçambicano é extenso, sensível e com vários recursos naturais, que banham o país, do norte ao Sul e faz parte do oceano global, chamando atenção para a tomada de medidas eficazes contra as mudanças climáticas que provocam danos ao planeta.

O Presidente Nyusi disse ainda que o seu país, depois de ter ficado nos holofotes da comunidade internacional devido à passagem dos ciclones Idai e Kenneth, nas regiões centro e norte, respectivamente, provou-se ao mundo, que as mudanças climáticas são uma realidade para as nossas vidas.

“Hoje, chamamos atenção do mundo, por uma outra razão, a salvação do planeta. Por isso, reitero a minha profunda gratidão a toda a comunidade internacional, pela solidariedade e apoio multiforme, desde as buscas e salvamento até à assistência humanitária como as vítimas das calamidades naturais” disse o chefe de Estado.

Para o estadista, o mar moçambicano tem benefícios infindáveis, e o oceano é o meio que liga culturas e civilizações, levando Moçambique para o mundo e trazendo o mundo para Moçambique, acrescentando que a relação com o mar é genuína, porque Moçambique é uma nação oceânica e rica em biodiversidade marinha e costeira.

“A Conferência “Crescendo Azul” servirá para criar soluções conjuntas e resilientes para os desafios impostos pelas mudanças climáticas. De dois em dois anos teremos este espaço de coordenação e parceria nacional e internacional. Esperamos que funcione como catalisador para a implementação de mais e melhores ações que protejam o mar e oceano”, afirmou.

Leia na Íntegra o Discurso do PR